Em troca de dinheiro e bebida, pais deixavam filha de 11 anos ser estuprada no Maranhão

225

Um crime cruel praticado Povoado Juçara, na cidade de Buriti Bravo, no interior do Estado, culminou na prisão de três pessoas em uma ação realizada pela Delegacia de Polícia Civil nesta quarta-feira (28).Foto: Polícia Civil

Foram cumpridos mandados de prisão temporária contra um casal, pais da vítima e mais um homem, pelos crimes de estupro de vulnerável, favorecimento à prostituição, abandono material e maus tratos à crianças.Foto: Polícia Civil

Segundo a Polícia Civil, os pais de uma menina de 11 anos de idade levavam a vítima para a residência de um homem que cometia o crime de estupro, tudo em troca de dinheiro para o consumo de bebida alcoólica.

Ainda de acordo com as investigações, além da vítima dos estupros, o casal ainda possuem outras quatro crianças entre 9 e 2 anos que passaram por todo tipo de maus tratos e abandono por parte dos genitores.

As investigações devem continuar, tendo em vista que existe a suspeita de que outras duas filhas dos autores também foram aliciadas.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.